•       Página inicial       Outras Edições
  • Bebianno, Carlos, Imprensa e Jair Bolsonaro
    A thread segundo o "Cavaleiro Templário"


        Li esta thread antes da decisão do Presidente em exonerar Gustavo Bebianno, e procurei o autor para que o mesmo me permitisse publicá-la. O mesmo se mostrou solícito.
    Agora cedo, acordei e pra minha surpresa, o autor criou a própria Thread que vos compartilho.
    BEBIANNO, CARLOS BOLSONARO, IMPRENSA E PRESIDENTE JAIR - A thread.

    (Por


    Segue o fio.


        Militares trabalharam para manter Bebianno, imprensa entrou em desespero com sua possível demissão... Acho que sem querer acabaram descobrindo onde há algo de podre no Reino da Dinamarca. outline.com/AEgEyy

        Veja essa coluna de hoje da Eliane Catanhede: ele conta os bastidores da troca de chefia do Centro de Comunicação do Exército (Cecomsex). Aqui, diz que os militares estão todos inebriados pelo poder, se sentindo mesmos os donos do poder. Mas isso não é o pior. Siga a thread.

        Militares estavam em plena festividade - preste atenção - confabulando fórmulas de fazer o General Heleno convencer o presidente Jair Bolsonaro a calar o Carlos Bolsonaro. outline.com/v5uvD3
        A coluna também afirma que a iniciativa dos ataques pelo twitter NÃO FOI INICIATIVA DO CARLOS, MAS SIM DO JAIR. O presidente já havia dado a entrevista em que afirma que o Bebianno havia mentido, Carlos apenas repercutiu confirmando e provando a versão do pai que já havia dito:


        Ou seja, usaram algo que o Carlos não fez para atacar o Carlos.


        Em seguida, surge esta nota - confirmando a coluna da Catanhede - dando conta de que General Heleno realmente foi escalado para convencer Jair a calar Carlos (como eu havia dito dias atrás): outline.com/7bLRcb
        Nisso, há outro ingrediente: o desespero da imprensa - sempre sedenta por sangue do governo - em proteger Bebianno e atacar Carlos Bolsonaro.

    Talvez essa notinha explique. Será Bebianno o vazador oficial do Planalto? Veremos mais adiante.
        Nesta outra nota, fica claro que a Veja teve acesso à parte do conteúdo dos áudios trocados entre Bebianno e Jair no Hospital. Mas como a Veja teve acesso a isso se a conversa foi só entre o Bebianno e o Jair? A tese do vazador oficial vai se confirmando. outline.com/2mkJkA
        Mesmo se ignorarmos os fatos acima, só o desespero histérico da extrema-imprensa em proteger o Bebianno confirma a tese do vazador oficial da República. Mas tem mais. Vamos em frente.
        Na mesma nota em que Veja confirma que teve acesso aos áudios trocados entre Bebianno e Bolsonaro, o motivo da briga é muito diferente do tal "laranjal do PSL": é sim um favorecimento de Bebianno à Globo, inimiga moral de Bolsonaro e que quase destruiu a vida pública de Flavio.

        Aqui, uma informação de que Bebianno vazou informação que - em outras palavras - se caísse, cairia atirando: não apenas distribuirá as gravações como pode criar outros embaraços para o Planalto. O governo refém de um canalha, é o que temos? oantagonista.com/brasil/o-trunf…
        Por fim, vem a informação extraoficial que Bebianno foi mantido, que Bolsonaro foi convencido de sua permanência e que concordou em calar Carlos Bolsonaro: outline.com/uB27qX
        A informação de que a treta com Bebianno vai além do mero "laranjal do PSL" está na Coluna do Estadão de ontem, que diz que "Paulo Marinho - suplente de Flavio - e Bebianno agiram sem anuência de Bolso com Renan e conspiravam para tomar o lugar do filho do presidente no Senado.
        Aqui a Coluna do Estadão de 15 Fevereiro 2019. outline.com/fBJERw
        As desconfianças na relação dos Bolsonaro com Bebianno vêm de longo tempo. Em 24 Janeiro 2019, a mesma Coluna do Estadão repercutiu que Flavio Bolsonaro via fogo amigo de Bebianno e Paulo Marinho no Caso COAF.

    Fonte: outline.com/hfyqEa
        Essas informações, de várias fontes diferentes, todas corroboram entre si e estão de acordo com informações fidedignas que eu obtive de pessoas próximas ao poder. Então, não tem nada de "fake news" e coisas do gênero. É tudo confiável. Minha DM é aberta para quem quiser conversar
        Agora informação é de que houve chantagem pessoal explícita para a manutenção de Bebianno no cargo. E Jair se submeteu a isso.

    Fonte: oantagonista.com/brasil/arquivo…
        SE BEBIANNO REALMENTE FOR MANTIDO, FICA UMA QUESTÃO:

    Se um presidente não tem poder e autoridade para demitir um ministro traíra, informante da imprensa, conspirador e que tentou roubar o mandato de seu filho, de que adianta ser presidente?
        Confirmada a manutenção.


        Confirmada também uma suspeita, agora certeza, de que o presidente Bolsonaro é honrado, honesto e força moral, mas não tem pulso firme de líder, é altamente influenciável, pouco intransigente na defesa de suas ideias e muito flexível na condução do país
        Um presidente com o prestígio popular do Bolsonaro não pode se submeter a chantagens de uns bostas como Maia, Bebianno e generais. Jair Bolsonaro, com esse ato, só passou ao público e ao mundo político uma imagem de fraqueza, de que não tem o pulso de líder pra comandar o país.
        Maia testou a autoridade de Bolsonaro e viu que ele fraquejou, não foi firme, não liderou, não impôs sua autoridade. Agora, todos os outros urubus perceberam e vão partir pra cima com sede de sangue. Manter Bebianno foi um erro fatal e vai custar caro. outline.com/yyvb7w
        Por fim, a imprensa canalha comemora a manutenção de sua fonte favorita dentro do Planalto.

    E a @joicehasselmann, que se elegeu com um discurso anti-mídia, trabalhou intensamente para manter ao redor do presidente um ministro traíra, informante da imprensa e chantageador.
        Ao presidente @jairbolsonaro, com carinho:
        Como os Antas sabem o conteúdo de uma conversa privada com o Bebianno? Pois é...
        Comemorem, Antas!

    Um viva aos covardes generais de merda! E que se dane o povo e o projeto liberal-conservador que foi consagrado nas urnas. Joga tudo fora, já que o Jair não tem mesmo autoridade, e faz logo uma "junta militar" para comandar o país. Selva!

    Canalhas venais!
        Ainda sobre o Bebianno: foi ele quem sabotou a candidatura de @lpbragancabr para vice-presidente, colocando no lugar o cavalo-de-tróia do Exército chamado Mourão.
        Fonte 1: oantagonista.com/brasil/crusoe-…

    Fonte 2: crusoe.com.br/diario/bebiann…
        Um resumão do traíra Bebianno.
        Eitaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    UFAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    oantagonista.com/brasil/sbt-beb…
        Tchau, traíra f*** da p***!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
        Seria pretensão demais dizer que essa thread teve algo a ver com isso? Fomos os primeiros a mostrar que a Veja teve acesso a trechos dos áudios entre Bebianno e Jair no hospital:
        Agradeço de coração ao @reaconaria, que sem seu RT esse post não teria conseguido alcance nenhum nesta minha conta reserva. Obrigado, irmão. Conte sempre comigo. E é isso aí: todo mundo se ajudando, contra a canalhada.
        É TETRA!!!! É TETRA!!! #ForaBebianno
        Aqui, matéria arrebatadora de O Globo mostrando que milicos positivistas sedentos de poder e políticos pragmáticos se uniram para manter Bebianno e calar Carlos Bolsonaro.

    Se foderam todos! O presidente mostrou quem manda! E Carlos Bolsowood é gênio! outline.com/aRqkwp
        Olha só que interessante essa matéria da VEJA, uma das favoritas para vazamentos do Bebianno.

    Ele ameaça o presidente: "Se isso acontecer (demissão) na segunda, o Brasil vai tremer”. Além disso, xinga o presidente “está alienado, perturbado da cabeça”. outline.com/H36qSe
        Ao presidente @jairbolsonaro, com carinho:
        A personalidade de Bebianno sempre foi motivo de conflitos dentro do PSL. Era um problema. Ele sabotou a candidatura de @lpbragancabr para vice, como tuitou na época seu amigo pessoal e professor @r_nog, que apontou supostos vínculos do Bebianno com o PT e com o José Dirceu (!).
        A personalidade centralizadora e autoritária de Bebianno foi alvo de notas na @FolhaPainel na época. Seu gerenciamento, que hoje está no centro do tal laranjal do PSL, era questionado pelos diretórios e dos membros do partidos. Agora vem dizer que não sabia dos esquemas? Migué!
        O link da coluna do print que ilustra o post acima está aqui: outline.com/5kyMD8
        Bebianno também foi quem expulsou de maneira sumária a doce e competente @LeticiaCatel do diretório/SP. Foi humilhada publicamente na ocasião. 1 dos projetos da Letícia era justamente um que previa maior controle dos gastos de R$ por estados. Barrado por Bebianno, deu no Laranjal
        O link das infos acima está aqui: buzzfeed.com/br/severinomot…

    A doce e competente @LeticiaCatel, amiga dos Bolsonaro e um dia humilhada por Bebianno, hoje é diretora da Apex, enquanto Bebianno é um demitido ressentido metido a cavalo do cão que ameaça o presidente da República.
        Esse Bebianno fede. É coisa suja. E muita.

    Olha o esquemão deles denunciado por coronel da reserva da PM Luiz Meira no Nordeste. portaldeprefeitura.com.br/2019/02/corone…
        Segundo Meira, a retirada de sua candidatura ao governo de Pernambuco foi retirada mediante propina paga pelo que ele chama de 'quadrilha' formada pelo presidente estadual PRP, Ernesto de Paula, e o PSB de Paulo Câmara por 1,5 milhões. Onde está o PSL e Bebianno? Próximo tweet...
        Segundo Meira, também participaram da negociação, e que ele chama de “quadrilha” responsável por orquestrar as eleições no Nordeste, Julian Lemos (PSL), Gustavo Bebianno, Antônio de Rueda (PSL) e o deputado federal Luciano Bivar, atual presidente do PSL, enrolado no tal Laranjal.
        O esquema teria repercutido no âmbito nacional, na barração da candidatura do General Heleno à vice-presidência na chapa de Jair Bolsonaro.

    Ressalte-se: Coronel Meira ISENTA Bolsonaro de qualquer responsabilidade no ocorrido.
        Julian Lemos, suposto envolvido no esquema aí, é velho conhecido. Um bandido que já foi condenado por estelionato e preso 3 vezes na Lei Maria da Penha: 1 por surrar a irmã e duas por bater na esposa com uma arma. Foi este sujeito que Bebianno delegou o comando da campanha no NE.
        Fonte da reportagem acima: outline.com/spNa4d

    Abaixo um longo relato do Movimento Endireita Fortaleza sobre Julian Lemos e seu caráter:
        Como vimos ao longo da thread, Bebianno sabe bem o que significa deslealdade. Agora, posta sobre isso no Instagram. Nada mais apropriado mesmo.
        Com a bomba armada, Bebianno se socorreu ao mais "indulgente" dos generais (Villas Bôas) para pedir apoio dos militares para permanecer no cargo. Inclusive puxou o saco deles em elogios: "Eles são o que há de melhor no governo. Leais, democratas, limpos”. outline.com/j2rL6S
        Villas Bôas é o mesmo general-de-pijamas que convenceu o presidente Bolsonaro a entregar a Comunicação Governamental aos militares, o que tem se mostrado um verdadeiro desastre (nunca um presidente foi tão difamado sem nenhuma defesa na história do mundo). outline.com/RUNsJ7

    "Daqui em diante nem tudo é realidade"